Extremos
 
Davi Marski Filho morre em Andradas após picadas de abelhas
 
da Redação: Elias Luiz - fonte: Hard Mountains
20 de novembro de 2014 - publicado: 02:35 - atualizado: 24.11.14 - 17:15
 

Pedra do Pântano, em Andradas. Na foto a esquerda Davi Augusto Marski Filho. Na foto a direita o aviso no Refugio de Montanha: Fotos: Blog Os Araxas e divulgação

Davi Marski estava preocupado com as abelhas, pois no início do ano havia sofrido um ataque na Pedra do Baú. Um dia antes da escalada em Andradas, 18 de novembro, ele postou uma foto em sua página do Facebook, com os equipamentos e disse que estava levando um inseticida, como mostra a foto em destaque. Foto: Facebook de Davi Marski
 

No final da tarde desta quarta-feira (19), dois escaladores, Silverio Nery (presidente da CBME - Confederação Brasileira de Montanhismo e Escalada) e Davi Augusto Marski Filho foram atacados por enxames de abelhas, na Pedra do Pântano, em Andradas / MG.

Segundo informações, eles estavam escalando a via Nirvana, localizada no campo escola, quando foram atacados pelo enxame que estava na via Sítio do P Amarelo, há 25 metros de altura.

 

Silverio Nery conseguiu descer e pedir ajuda, sendo socorrido e levado para a Santa Casa de Andradas e depois transferido para Poços de Caldas, com mais de 200 picadas. Davi Marski não conseguiu descer. O corpo de bombeiros e uma viatura da Polícia Militar foram utilizadas na tentativa de resgate.

De acordo com os bombeiros, quando Davi Augusto Marski Filho foi encontrado, já estava morto. O corpo dele foi removido e levado para o IML de Poços de Caldas, onde a necropsia constatou que ele morreu em decorrência de choque anafilático e asfixia, provocados pelo veneno das abelhas.

Os escaladores além de serem frequentadores do local, tinham conhecimento do perigo de abelhas nessas vias, informações que foram muito divulgadas pelos dois abrigos de montanha (Refúgio de Montanha e Abrigo do Pântano ), através das páginas no facebook, e também em quadros de avisos dentro dos abrigos.


Outro ataque de abelhas
Em fevereiro deste ano, Davi Marski e amigos foram atacados por abelhas na Pedra do Baú, Davi precisou receber atendimento médico, e logo se recuperou. Este é um perigo recorrente que os escaladores enfrentam.


O escalador
Davi Marski Filho, 42 anos, era um escalador experiente, guia e instrutor de escalada e alpinismo desde 1990. Realizou dezenas de escaladas nos mais diversos estilos, desde escaladas solitárias até organizando e guiando expedições. Autor do guia: “Escalada e trekking em alta montanha”. Tinha certificação internacional em socorros de urgência (WFR - Wilderness First Responder) pela WMA - Wilderness Medical Association.

Fica aqui nossos sentimentos aos amigos e familiares de Davi Augusto Marski Filho. Nosso apoio também ao Silverio Nery.