Três vezes Atacama
da redação, texto e fotos de: Elias Luiz
16 de agosto de 2013 - 21:02
 
comentários  
 
  • Foto: Elias Luiz
    Bikers saindo do Vale da Lua e agora com o vulcão Licancabur ao fundo. Foto: Elias Luiz
  • Foto: Elias Luiz
    Antes do Atacama passamos por Santiago, a bela capital emoldurada pelas Cordilheiras dos Andes ao fundo." Foto: Elias Luiz
  • Foto: Elias Luiz
    Chegando no Hotel. " Foto: Elias Luiz
  • Foto: Elias Luiz
    Kunza Hotel & SPA " Foto: Elias Luiz
  • Foto: Elias Luiz
    Quarto aconchegante. " Foto: Elias Luiz
  • Foto: Elias Luiz
    Ótimo banheiro com água quente. " Foto: Elias Luiz
  • Foto: Elias Luiz
    Monumento Natural as Três Marias, que hoje na verdade só existem duas, após um turista polonês ter tentado escalar uma delas e quebrou. " Foto: Elias Luiz
  • Foto: Elias Luiz
    O repórter fotográfico Eduardo Vessoni percorrendo o Vale da Lua sob um sol escaldante. " Foto: Elias Luiz
  • Foto: Elias Luiz
    A vista da parte de trás do Hotel durante a noite, enquanto esperava a Chuva de Meteoros que iria acontecer na madrugada. " Foto: Elias Luiz
  • Foto: Elias Luiz
    A Via Láctea. " Foto: Elias Luiz
  • Foto: Elias Luiz
    O novo lançamento da Ford, o caminhão Extrapesado Cargo 2842. " Foto: Elias Luiz
  • Foto: Elias Luiz
    O Flamingo James no Salar de Atacama " Foto: Elias Luiz
  • Foto: Elias Luiz
    Laguna Chaxa e os flamingos James " Foto: Elias Luiz
  • Foto: Elias Luiz
    A igreja na região central de San Pedro de Atacama. " Foto: Elias Luiz
  • Foto: Elias Luiz
    A feirinha central. " Foto: Elias Luiz
  • Foto: Elias Luiz
    A Caracoles é a principal rua de San Pedro de Atacama, com diversos restaurantes, agencias de turismo, lojas e Lan Houses. " Foto: Elias Luiz
  • Foto: Elias Luiz
    Usando a técnica de Light Painting na noite escura de San Pedro de Atacama. " Foto: Elias Luiz
1 17

Bikers saindo do Vale da Lua e agora com o vulcão Licancabur ao fundo. Foto: Elias Luiz

 

Recebemos o convite da Ford para cobrir a parte de aventura de mais um lançamento de produto, desta vez os caminhões extrapesados Cargo 2042 e 2842 em pleno Deserto do Atacama. Esta é a terceira vez que o Extremos visita a região, em 2006 chegamos a San Pedro de Atacama de ônibus, via São Paulo e Santiago. Em 2008 voamos de São Paulo a Buenos Aires e depois subimos ao norte da Argentina de ônibus, passando por Salta, Jujuy e finalmente San Pedro de Atacama, ainda nesta viagem fizemos o roteiro de 4 dias de 4x4 pela Bolívia, sendo o último dia o retorno de Uyuni para San Pedro de Atacama. Veja então que já estivemos em San Pedro de Atacama via Chile, Argentina e Bolívia, mas sempre de ônibus ou 4x4, e sempre em um mochilão de baixo custo, dormindo em hostel próximo a Caracoles, a rua principal da cidade, mas sempre desfrutando de vários roteiros pela região.

Desta vez o convite da Ford iria nos proporcionar o conforto de uma viagem de avião de São Paulo a Santiago e a Calama, onde uma van nos aguardava e 1 hora depois chegamos no aconchegante Kunza Hotel & Spa, um 5 estrelas que fica a pouco mais de 1 quilômetro do centro.

Os dias de quarto gelado, de banheiro coletivo e ducha de água fria ficaram para trás. No Kunza a estrutura e serviços são impecáveis, no restaurante você aprecia as refeições em companhia do vulcão Licancabur no horizonte, em horários pré estabelecidos uma van leva e trás os hóspedes ao centro do vilarejo. Para quem quiser há Spa, piscina e muito mais. Para tudo isso tem um preço que varia de R$ 800,00 a R$ 1.500,00 por noite, dependendo dos serviços.

É impossível não gostar de todo este conforto, você pode desfrutar de todos os roteiros que a região lhe oferece e no fim do dia o conforto e sossego de um bom hotel.

Aqui no Extremos o nosso mote é: Sonhe. Planeje. Realize. Não importa como, mas vá viajar, conhecer o mundo, principalmente outras culturas, pessoas e paisagens diferentes. Toda essa experiência, não importa se de carona, bike, mochilão ou uma viagem de luxo, só tem a acrescentar em nossas vidas.

Mas nesta viagem senti falta do contato com as pessoas, principalmente dos mochileiros que estão rodando o mundo. Acho que quando você se hospeda no centro, isso tudo fica mais próximo e você se sente parte disso, você vive mais a cidade, interage mais com as pessoas e no fim do dia sempre há um lual ao redor de uma fogueira e um violão, tenha certeza, isso vai ecoar em sua memória por muitos e muitos anos. Até mesmo os restaurantes do centro parecem ter uma comida mais saborosa e com a cara da cidade.


Na verdade existem diversas San Pedro de Atacama, eu já conheci três. Que venha a quarta, quem sabe na próxima chegando em um voo de balão.